Voltar
  • Home
  • blog
  • Gestantes devem se proteger contra a dengue

Gestantes devem se proteger contra a dengue

15 de março de 2024

Gestantes devem se proteger contra a dengue

O quadro clínico da dengue pode variar muito, desde uma doença assintomática até a forma grave, podendo evoluir para óbito. Nas gestantes, existem riscos adicionais por causa das mudanças fisiológicas da gravidez e do sistema imune. Este foi o assunto do artigo publicado pela Dra. Rosana Richtmann, infectologista do Grupo Santa Joana, na Veja Saúde.

Mulheres grávidas têm um risco cinco vezes maior de desenvolver a forma grave da doença, de acordo com dados do Ministério da Saúde e do portal de Boas Práticas.

Leia também: Os perigos da dengue na gestação

Sinais de alarme

Embora os sintomas da dengue em gestantes sejam similares ao de qualquer pessoa com a doença (febre, dor de cabeça, dor muscular), um dos sinais de alerta é qualquer tipo de sangramento depois do período febril. Nesse caso, deve-se procurar imediatamente um médico.

Complicações

A médica explica que, durante a gestação, aumenta o risco de desenvolver formas mais graves da doença, além de parto prematuro, baixo peso do bebê ao nascer e até aborto espontâneo, se ocorrer no primeiro trimestre de gestação.

“Diferentemente da infecção causada pelo Zika vírus, a dengue muito raramente está relacionada à malformação fetal”, explicou a Dra. Rosana.

Prevenção

Para combater a dengue, a melhor forma é se prevenir, usando repelentes adequados (de preferência com icaridina), roupas claras e de manga comprida, evitar o uso de perfumes e colocar telas em janelas e portas.

Vale lembrar a importância de eliminar criadouros, ou seja, recipientes com água parada onde os mosquitos podem depositar seus ovos.

Cuidados

A qualquer sintoma da dengue, a gestante deve procurar atendimento médico. Caso a doença seja confirmada, é importante manter-se muito bem hidratada e descansar.

As vacinas contra a dengue são contraindicadas para as gestantes e mulheres que estão amamentando, por serem vacinas de vírus vivo atenuado.

“Uma mulher em idade fértil pode receber a vacina contra a dengue, desde que aguarde 30 dias para engravidar”, escreveu a médica.

Para ler a reportagem completa, clique aqui.

Categorias

Agendar visitaPrecisa agendar uma visita ou uma consulta?Quero agendar uma visita

© 2020 Santa Joana. Todos os direitos reservados.

Rua do Paraíso, 432 | CEP 04103-000 | Paraíso | São Paulo | SP | 11 5080 6000

Responsável Técnico: Dr. Eduardo Rahme Amaro | CRM 31624