Voltar
  • Home
  • blog
  • Doenças ginecológicas podem ser tratadas por cirurgia robótica

Doenças ginecológicas podem ser tratadas por cirurgia robótica

10 de agosto de 2023

Doenças ginecológicas podem ser tratadas por cirurgia robótica

Em artigo na revista Caras, o médico Rodrigo Fernandes, especialista em cirurgia minimamente invasiva com atuação em Oncologia Ginecológica do Santa Joana, falou sobre o avanço da cirurgia robótica para tratamento das doenças ginecológicas.

O médico explica as inovações no campo da cirurgia ginecológica nas últimas décadas, desde o início da laparoscopia no final da década de 80 para retirada de útero, miomas e endometriose, que levam à recuperação mais rápida com pequenas incisões. No caso de câncer, por exemplo, esse tipo de cirurgia com rápida recuperação permite que os tratamentos como quimioterapia e radioterapia possam ter início precocemente.

Em meados dos anos 2000, teve início a cirurgia robótica, uma evolução da laparoscopia, onde o cirurgião controla o robô por meio de um console.

“A tecnologia embarcada no robô trouxe inúmeras vantagens. A câmera, além da estabilidade, possui duas ópticas simulando a visão 3D, que permitem reestabelecer a profundidade antes não disponível durante a laparoscopia. Os braços possuem anulação de tremor e as pinças articuladas permitem ângulos de aproximação, algumas vezes, impossíveis durante a laparoscopia. Estas características trouxeram um ganho em precisão e fizeram com que o robô fosse um diferencial em algumas cirurgias específicas, como múltiplos pontos durante a retirada de miomas ou liberação de nervos em cirurgias de endometriose profunda e câncer”, escreveu o Dr. Rodrigo.

O médico lembra que a realização destas cirurgias, seja por laparoscopia, seja por cirurgia robótica, exigem que o cirurgião passe por um treinamento adequado.

“O próximo grande marco está por vir e será a associação da plataforma robótica às outras tecnologias. O avanço da inteligência artificial aliado à experiência do cirurgião permitirá à plataforma reconhecer estruturas diversas entre vasos, nervos, metástases ou até implantes de endometriose – as quais poderiam passar despercebidos ou serem invisíveis ao simples olho do cirurgião”, explicou o médico.

Conheça o nosso Centro de Cirurgia Robótica da Mulher

Categorias

Agendar visitaPrecisa agendar uma visita ou uma consulta?Quero agendar uma visita

© 2020 Santa Joana. Todos os direitos reservados.

Rua do Paraíso, 432 | CEP 04103-000 | Paraíso | São Paulo | SP | 11 5080 6000

Responsável Técnico: Dr. Eduardo Rahme Amaro | CRM 31624