Voltar
  • Home
  • blog
  • Verdades e mitos sobre a depilação na gravidez

Verdades e mitos sobre a depilação na gravidez

14 de fevereiro de 2012

Verdades e mitos sobre a depilação na gravidez

A recomendação médica é que as grávidas mantenham seus hábitos de depilação na gestação, excetuando métodos a laser e descolorações com água oxigenada. Portanto, se a gestante se sente confortável com a lâmina, por exemplo, deve continuar com esse método. Ou, se preferir a cera, pode realizar o processo sem complicações.
O único empecilho, no caso da cera, pode ser a dor ou a ocorrência de manchas. Isso porque, na gestação, são liberados hormônios que deixam a pele mais suscetível ao surgimento de pigmentações. Por isso, a depilação com cera pode causar manchas em algumas mulheres, especialmente no buço.
Cremes depilatórios são motivo de controvérsia entre os médicos. Portanto, antes de utilizá-los, converse com seu ginecologista e faça o teste de contato 24 antes, para evitar irritações.
Atenção: a depilação íntima total é contraindicada na gestação. Isso porque os pêlos protegem a vagina da entrada de bactérias. Além disso, essa região fica bastante sensível porque a área pubiana está em fase de dilatação óssea.

Agendar visitaPrecisa agendar uma visita ou uma consulta?Quero agendar uma visita

© 2020 Santa Joana. Todos os direitos reservados.

Rua do Paraíso, 432 | CEP 04103-000 | Paraíso | São Paulo | SP | 11 5080 6000

Responsável Técnico: Dr. Eduardo Rahme Amaro | CRM 31624