Voltar

Sem manha na hora de comer

16 de agosto de 2012

Sem manha na hora de comer

*Imagem meramente ilustrativa. A pessoa da imagem não é um paciente do Hospital e Maternidade Santa Joana.

Desesperados para ver os filhos se alimentarem corretamente, muitos pais lançam mão de chantagens pouco corretas para conseguir emplacar algumas colheradas. Ameaças como “se você não comer a salada, vai ficar sem videogame a semana toda” são pouco eficazes. Além de estabelecerem a alface como algo horrível e o videogame como algo incrível, elas podem gerar um estresse desnecessário entre adultos e crianças. O melhor é apostar em alguns truques práticos para fazer seu filho mudar de ideia em relação às comidas saudáveis.
A seguir, listamos algumas dicas eficazes para as crianças comerem melhor. Com paciência, bom-humor e criatividade, você pode mudar o jogo a seu favor e acabar com o sofrimento da hora das refeições.
– Capriche na apresentação do prato: as crianças comem, sim, com os olhos. É uma coisa simples de ser feita: desde colocar mais cores, que é resultado de uma dieta equilibrada, até montar uma carinha com os alimentos.
– Invista em alimentos pequenos: alimentos em miniatura fazem com que as crianças sintam que aquilo foi feito só para ela.
– Evite bebidas durante a refeição: diminuir o volume de líquidos durante as refeições pode ser uma boa pedida, já que eles ajudam a saciar a fome.
–  Ofereça primeiro o que ele menos gosta: a maioria das famílias costuma fazer o contrário, mas o melhor para a criança que não come verduras é tê-las à vista antes dos outros pratos da refeição.
–  Mantenha os alimentos saudáveis em lugares acessíveis: mantenha as frutas expostas na cozinha, ou até já lavadas e cortadas na geladeira, prontas para serem alvos de uma criança faminta. A fórmula também pode funcionar para legumes, como cenouras e pepinos.
– Cozinhe com seu filho: estimular a criança a colocar a mão na massa pode fazê-la se alimentar melhor.
– Envolva a criança na escolha do cardápio da semana: a diversão é a isca perfeita para envolver uma criança em qualquer assunto. Na alimentação, vale o mesmo princípio. Peça a ela para escolher um prato e os pais escolhem outro.
– Leve seu filho ao mercado ou faça uma hortinha em casa: aproximá-las dos alimentos faz com que elas fiquem mais curiosas e experimentem com maior facilidade.

Resp. Técnico: Dr. Eduardo Rahme Amaro. CRM: 31624

Categorias

Agendar visitaPrecisa agendar uma visita ou uma consulta?Quero agendar uma visita

© 2020 Santa Joana. Todos os direitos reservados.

Rua do Paraíso, 432 | CEP 04103-000 | Paraíso | São Paulo | SP | 11 5080 6000

Responsável Técnico: Dr. Eduardo Rahme Amaro | CRM 31624