Voltar
  • Home
  • blog
  • Mais diagnósticos de endometriose

Mais diagnósticos de endometriose

26 de fevereiro de 2013

Mais diagnósticos de endometriose

Ao contrário do que algumas pessoas pensam, a endometriose não é uma doença recente. Embora a patologia tenha sido descrita pela primeira vez em 1860, os especialistas ainda não podem especificar com certeza a sua principal causa. Para trazer informações úteis sobre a doença, conversamos com o Dr. Ricardo Pereira, ginecologista do Hospital e Maternidade Santa Joana.
Há alguns anos, acreditava-se que a endometriose era causada pelo refluxo do endométrio, tecido que reveste o útero, para outros órgãos. Casos de mulheres que removeram o útero colocam em dúvida essa hipótese. Atualmente, a ciência propõe uma predisposição genética para a doença.
O avanço do conhecimento médico sobre as lesões associadas à patologia e o uso de aparelhos de imagem de alta definição – como ultrassonografia e ressonância magnética – permitiram uma grande evolução no diagnóstico da doença. O número de diagnósticos também aumentou porque as mulheres deixaram de se resignar com a dor e passaram a procurar alívio para os sintomas da endometriose.
Segundo o ginecologista, as mulheres de hoje estão mais expostas à ação do estrógeno, hormônio que determina a descamação natural do endométrio, do que em outros tempos. Isso é explicado porque, antigamente, com um maior número de gestações, a quantidade de ciclos menstruais também era menor, o que reduzia os efeitos desse hormônio.

Resp. Técnico: Dr. Eduardo Rahme Amaro. CRM: 31624

Categorias

Agendar visitaPrecisa agendar uma visita ou uma consulta?Quero agendar uma visita

© 2020 Santa Joana. Todos os direitos reservados.

Rua do Paraíso, 432 | CEP 04103-000 | Paraíso | São Paulo | SP | 11 5080 6000

Responsável Técnico: Dr. Eduardo Rahme Amaro | CRM 31624