Voltar
  • Home
  • blog
  • Você sabe como é o trabalho da equipe médica depois que o bebê nasce?

Você sabe como é o trabalho da equipe médica depois que o bebê nasce?

23 de abril de 2012

Você sabe como é o trabalho da equipe médica depois que o bebê nasce?

Depois de meses espera, finalmente o tão esperado bebê vem ao mundo. E agora? Quais cuidados mãe e bebê podem esperar da equipe médica do hospital? Em entrevista ao site Vila Mulher, Dr. Luis Fernando Leite, ginecologista, obstetra e diretor de relacionamento do Hospital e Maternidade Santa Joana, explica todo o processo:
Para tranquilizar os pais, antes mesmo de o bebê chegar, um pediatra já fica a postos na sala de parto. Ele dá a primeira assistência e conversa com os responsáveis sobre as condições de nascimento e os exames a serem feitos.
“Este profissional também passa em todos os quartos duas vezes por dia para tirar dúvidas e, se necessário, pedir algum outro exame”, explica Dr. Luis Fernando.
No dia da alta, o pediatra também está presente e dá todas as orientações para as mães, sejam elas de primeira viagem ou não. Durante os dois ou três dias de internação, a equipe de berçário dá dicas de como amamentar, reforça os cuidados com o umbigo do bebê e fala das vacinas. Se o bebê nasce prematuro e vai para a UTI o procedimento é o mesmo. “Neste caso, a paciente conta com ajuda psicológica e o serviço mãe canguru, que é quando a mãe tem acesso à UTI para ter um contato físico com o bebê”, explica o médico.
Há também serviços rotineiros, como troca de fralda e banho individualizado e demonstrativo. É comum que alguns pais até filmem os procedimentos para não perder nenhuma regra básica. As mães recebem ainda uma cartilha de amamentação com informações de como proceder com o mamilo e o uso adequado do sutiã. Quanto aos pontos da cesárea, eles podem ser retirados em sete ou 15 dias e alguns médicos usam pontos que são absorvidos pela pele.
Nos primeiros dias de mamada a mãe aprende como fazer o bebê abocanhar aréola e o mamilo (pega da mama). Manter a hidratação também facilita a produção de leite. A mãe deve estar tranquila e não ficar conversando ou assistindo à TV durante o processo. “É ainda comum que nessa hora os familiares sejam retirados do quarto, para que a mãe converse baixinho somente com o bebê e possa passar para ele muito amor e carinho. É um momento ímpar da paciente com o bebe. Quanto mais tranquila a mãe estiver, maior será a produção de leite”, garante Dr. Luis Fernando.

Agendar visitaAgende uma visita, vamos adorar receber você.Quero agendar uma visita

© 2020 Santa Joana. Todos os direitos reservados.

Rua do Paraíso, 432 | CEP 04103-000 | Paraíso | São Paulo | SP | 11 5080 6000

Responsável Técnico: Dr. Eduardo Rahme Amaro | CRM 31624